traulitadas @ 11:36

Qui, 29/09/05

ECE - Em Caso de Emergencia.jpg


Os Bombeiros Voluntários de Albufeira criaram um sistema original de apoio às vítimas em caso de acidente, o qual já está a ser adoptado por outras Corporações do País.


Os Bombeiros recorrem ao telemóvel da própria vítima para conseguir identificá-la. Assim, qualquer um de nós pode ajudar o trabalho dos Bombeiros, utilizando um meio muito simples: ECE é a sigla de: Em Caso Emergência.


Se acrescentarmos: ECE à lista de contactos do nosso telemóvel, e lhe atribuirmos o numero da pessoa que, Em Caso Emergência, deve ser contactada, não só poupamos imenso tempo aos Bombeiros, como colocamos os nossos familiares a par da nossa situação imediatamente.


Os Bombeiros de Albufeira - e com divulgação, todos os outros - sabem o que significa ECE, e, Em Caso de Emergência procuram de imediato esse nome nos contactos do telemóvel da vítima.


Adicione ECE à sua lista de contactos! Por favor passe esta informação.


Para poder visualizar mais sobre este assunto, clique aqui




traulitadas @ 10:06

Qua, 28/09/05

RaiosDeSol1800.jpg

Sempre belo o Sol, no entanto é quando algo se sobrepõe e o "fragmenta" em raios que adquire o seu maior esplendor...



traulitadas @ 18:27

Seg, 26/09/05

algerie_017.jpg


 


Do alto da quietude lança um olhar penetrante em torno do nada complexo que o rodeia, olha, observa e analisa como se de um problema complexo se tratasse. Depara por instantes que o vazio em seu redor tem tanto de fascinante como de inócuo.


Os grãos de areias finíssimos, as dunas majestosas escondem o passado e as passadas de inúmeros visitantes que se deliciam em contemplar um por do sol soberbo, como que na fraqueza mostra a sua força e a sua beleza.


O ocaso de um astro que brilha incessantemente, um astro que quando chega o seu tempo de privacidade para os olhares indiscretos dos que passeiam sentados em cima de um camelo, dos que decidem contemplar a sua retirada sentados na areia quente, por vezes incomodativa.


 Do outro lado um oásis, um manancial de palmeiras – cinquenta mil dizem - um local onde perante a perplexidade de quem o visita fervilha de vida. Onde a água brota, onde a vida nasce, onde todas as esperanças tem o seu espaço para frutificar.


No meio das dunas, um castelo onde o imaginário  se torna realidade, onde a ostentação da riqueza erigida no meio do deserto não faz sentido a não ser a quem o erigiu ou mandou erigir como que fosse uma demonstração de que há quem num local inóspito consiga construir um palácio dos sonhos. Reis e princesas ali habitam imaginariamente. Quem se aproxima do portão sente-se absorvido por sensações dignas de contos de mil e uma noites...




traulitadas @ 09:59

Qua, 21/09/05

Já tinha pensado várias vezes em escrever um post sobre esta missão das Irmãs de S.João Baptista em Moçambique, mas por uma razão ou por outra nunca se proporcionou.

Contudo e agora que me foi solicitada ajuda eis que chegou o momento oportuno para divulgar esta Missão.

Trata-se de uma missão das Irmãs de S. João Baptista em Moçambique, mais concretamente em Nampula e Ribáuè. É uma campanha muito simples e fácil de aderir.

Funciona desta forma: pode-se apoiar esta missão de ajuda a crianças e familias carênciadas das provincias referidas, através de donativos geridos pelas Irmãs de S. João Baptista.

Existem duas vertentes do apoio:

1- Apoio directo á Missão com 3 finalidades:
a) apoio alimentar/ano - a uma familia---------------------------donativo de 70€
b) reconstrução de uma "palhota"---------------------------------donativo de 80€
c) Compra de um saco de leite em pó para as crianças---------donativo de 70€

2- Apoio através de afilhados
- por cada afilhado / ano--------------------------------------------donativo 70€

Como poderão observar pelos montantes dos donativos, pouco dinheiro poderá fazer a diferença na vida daquelas crianças.

No meu caso optei pelo apoio através de afilhados, pela simples razão de que como o nome da modalidade indica é nos "atribuido" um(a) afilhado(a) do qual vamos recebendo noticias do seu desempenho escolar, social, das suas dificuldades , resumido vamos acompanhando o seu crescimento.

Convém referir que apesar de se ter um afilhado, o donativo enviado é aplicado em prol de toda a comunidade de crianças que frequentam o infantário; ou seja o donativo enviado não é somente para a criança em questão mas sim para todas, evitando assim assimetrias dado que nem todas as crianças têm "padrinhos".

E é aqui que o meu apelo e das Irmãs se faz sentir. Neste momento existem 20 crianças que não tem padrinhos, como tal é esse o objectivo principal deste apelo.

Como nota de rodapé informa-se que a instituição passa recibo para fins de IRS aos interessados.

Se houver alguem interessado em aderir a esta campanha poderá solicitar informações mais concretas de como aderir para o e-mail aresta.luis@sapo.pt.

Em nome das Irmãs de S. João Baptista MUITO OBRIGADO.



traulitadas @ 14:38

Ter, 20/09/05

Momentos únicos tão dificilmente explicáveis onde a paixão impera e eleva toda a simplicidade do gesto a cenários próprios do divino.

O toque simples gesto impulsionador de sensações múltiplas onde são experimentados sentimentos de partilha por vezes tão distantes.

A distância que separa é a mesma que une. A distância de um toque tão banal como sua a mecânica intrínseca.

Com gestos construímos a nossa vida, onde essencialmente reagimos em detrimento do agir.

Sonha-se com tudo e mais alguma coisa, sonha-se com o céu mas no entanto não será infinitamente melhor olhar o céu do que lá morar?

Inúmeras vezes almejam o inalcançável, outras tantas ignoram o que tão próximo está e que quando se perde se torna invariavelmente inalcançável.

Par acção reacção , indeléveis marcas de um comportamento descabido…


Cirúrgicas palavras, mais mortíferas que um golpe certeiro, saram feridas que teimam em permanecer ensanguentadas.



traulitadas @ 10:10

Ter, 20/09/05

Nunca é demais lembrar uma campanha que está a decorrer.


AQUI pode-se encontrar toda a informação necessária.


Todos podemos participar. Ajude a Ajudar quem precisa.




traulitadas @ 09:21

Sex, 16/09/05

Causa-me alguma confusão o estado degradante da entrada mais utilizada para chegar a Pardelhas.

Uma estrada muito irregular cheia de remendos de alcatrão........

E depois chegamos junto da Caixa de Crédito Agrícola lá está tudo pimpão e arranjadinho de novo......



traulitadas @ 09:22

Qua, 14/09/05

Para a Torreira foi escolhida a cor "azul marinho".


É esta a aposta de um partido para a sua campanha eleitoral.


Pois bem, a escolha desta cor causou-me alguma surpresa uma vez que o candidato em questão tem por hábito andar sempre com o olhar fitado no infinito, pensei que fosse mais coerente a escolha de um "azul celeste".


Quererá dizer esta escolha que depois de um estágio na Assembleia Municipal há uma inversão de prespectiva visual por parte do candidato? Deixará de almejar o céu para se dedicar aos problemas da Terra, ou do Mar, ou da Ria?


Aguardemos pelo que esta cor nos vai propor!!!


 


Já agora, que cor foi escolhida para a vossa Freguesia? Que conotações se poderão lhe aplicar?




traulitadas @ 11:05

Seg, 12/09/05

Hoje é o primeiro dia de aulas para muitas crianças.

Fiz um esforço para me lembrar do meu primeiro dia de aulas, mas só vagas memórias, sem nexo me são apresentadas.

Foi à tanto tempo!!!!!!!!! Mas porque não me recordo?

Já o meu primeiro dia de aulas no ciclo na Murtosa (terminologia da época) recordo-me bem. A azáfama, o despertar cedo, a ansiedade do que de novo iria encontrar, novos colegas, muito mais professores, enfim uma nova realidade. A ansiedade era tanta que fui com todo o material que deveria ser levado no 1º dia de aulas – algo inútil verifiquei depois...

Tempos idos........



Porque nem sempre tudo tem que fazer sentido!!!
Setembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
15
17

18
19
22
23
24

25
27
30


Pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO